producao-industrial-do-rio-grande-do-sul-cresce-72_14_1345.jpg
12 jun

PRODUÇÃO INDUSTRIAL DO RIO GRANDE DO SUL CRESCE 7,2%

O relatório de maio de 2019 – com dados de março e abril – apresentou resultados positivos no Rio Grande do Sul. A produção industrial do Estado cresceu 7,2%. Além disso, no acumulado nos últimos 12 meses, aumento de 7,4%.



Produzido pelo Iemi – Inteligência de Mercado, o documento conta com números do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).



Especificamente no mês de março, a produção de móveis no estado do Rio Grande do Sul foi de 6,3 milhões de peças, registrando queda de 4,7% em relação a fevereiro.



Produção industrial do Rio Grande do Sul



Em abril, as exportações recuaram 13,6%, somando US$ 13,9 milhões. O saldo da balança comercial, no entanto, ficou positivo em US$ 13,3 milhões. Entre os países de destino, o Reino Unido ficou em primeiro lugar, com 16,9% dos valores exportados. Posteriormente a ele, os Estados Unidos com 15,9%. E, por fim, o Uruguai, com 15,0%. Destaque também para o crescimento de 266,3% da República Dominicana na passagem de março para abril de 2019.



Analisando o consumo aparente de móveis no Rio Grande do Sul, o volume em março foi de 5,4 milhões de peças, apresentando retração de 6,7% em relação a fevereiro



Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná, estão entre os principais exportadores de móveis. Os estados foram responsáveis por 81,4% dos valores em abril de 2019. Em seguida, São Paulo, com 12,6% dos valores exportados também em abril.



Analisando o consumo aparente de móveis no Rio Grande do Sul, o volume em março foi de 5,4 milhões de peças, apresentando retração de 6,7% em relação a fevereiro, porém, no acumulado no ano houve crescimento de 4,2%.



Fonte: Emobile


ibá - indústria brasileira de árvores
sebrae
sistema fiep
cni - confederação nacional da indústria
brasilian furniture
apexbrasil
ministérios das relações exteriores
pátria amada brasil