manifesto-de-apoio-a-apex-brasil-e-ao-sebrae_14_2724.jpg
14 ago

MANIFESTO DE APOIO À APEX-BRASIL E AO SEBRAE

A ABIMÓVEL – Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário, entidade nacional que representa o setor e a indústria de móveis, vem manifestar o seu apoio à APEX-Brasil - Agência Brasileira de Promoção das Exportações e Investimentos, ao SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas e as demais entidades vinculadas ao Sistema "S”. 



A cadeia produtiva de madeira e móveis tem características que consideramos fundamentais destacar: é intensiva em mão de obra, exportadora e a 5ª maior produtora de móveis do mundo. Nossos números demonstram a relevância do setor para a economia brasileira:



- Indústrias: 18,5 mil

- Empregos: 270 mil

- Produção de peças: 437,5 milhões

- 5º Maior Produtor: R$ 69,9 bilhões

- 28º Maior Exportador: US$ 644 milhões

- 58º Importador: US$ 212 milhões



A entidade compreende e respeita os questionamento que estão sendo objeto de  julgamento no STF – Supremo Tribunal Federal, quanto à constitucionalidade da cobrança de 0,3% sobre a folha de salário das empresas, destinada a subsidiar as atividades das agências e entidades acima listadas, porém entende também que os Projetos e Ações coordenados por estas entidades se revestem de uma importância ainda maior para o setor,  a cadeia produtiva, as indústrias e a economia brasileira.



No caso da APEX-Brasil, a Agência apoia 53 Projetos Setoriais, em parceria com diversas entidades de vários setores ligadas à indústria, ao comércio e serviços. Ao todo, são quase 14 mil empresas apoiadas, que geraram juntas US$ 32 bilhões em exportações no ano que passou ou 30.3% das exportações brasileiras. Do universo de 53, 27 são Projetos voltados para à indústria, atingindo cerca de  3.700 empresas.



O Projeto Setorial Brazilian Furniture, por exemplo, é fruto da parceria da APEX-Brasil e da ABIMÓVEL. Desenvolvemos há cerca de 15 anos um trabalho incansável na busca da abertura de novos mercados, na internacionalização das nossas indústrias, visando a ampliação das exportações de móveis e seu reposicionamento no mercado internacional. Iniciamos o Projeto com cerca de 30 empresas exportadoras e hoje, apesar do ambiente de negócios e de todas as crises vivenciadas em nosso país, contamos com cerca de 200 indústrias exportadoras, atuando em cerca de 115 destinos. Sem o apoio e a parceria da APEX-Brasil, isso seria praticamente impossível de se realizar.



Atualmente, os pequenos negócios no Brasil representam 98% dos estabelecimentos formais do país e são responsáveis por 55% dos empregos gerados. O trabalho e o apoio do SEBRAE, SENAI, SESI e demais entidades do Sistema “S” são essenciais para essas indústrias, tanto na melhoria do ambiente de negócios, como na sua formalização, na disseminação da inovação e tecnologia, entre outros benefícios. Sem a atuação efetiva dessas entidades, agindo e empreendendo em praticamente todos os Estados Brasileiros, grande parte das indústrias ficariam desassistidas, inclusive em função das disparidades regionais existentes em nosso país.



Em função do momento crucial por que passam as nossas empresas, o tecido produtivo e a economia do Brasil, vimos reiterar o papel da APEX-Brasil, do SEBRAE e da ABDI. Solicitamos ao STF e ao Governo Brasileiro um olhar republicano a estes órgãos que, de forma exemplar, têm ajudado aos setores produtivos e suas indústrias a se posicionarem de forma efetiva e com competitividade no mercado interno e externo, levando e mostrando o que o Brasil tem de melhor ao mundo.



 



São Paulo, julho de 2020.



DIREÇÃO ABIMÓVEL


ibá - indústria brasileira de árvores
sebrae
sistema fiep
cni - confederação nacional da indústria
brasilian furniture
apexbrasil
ministérios das relações exteriores
pátria amada brasil