ÍNDIA: Estudo de Oportunidades para Empresas Brasileiras de Móveis com Potencial e Exportadoras

Sexta maior economia e com a segunda maior população do mundo, a Índia é mais um dos mercados-alvo da indústria brasileira de móveis e colchões.

Apesar de sua dimensão econômica e populacional, o país figura em 46º entre aqueles com maior Complexidade Econômica, o qual utiliza a pauta exportadora de um país para medir a sofisticação tecnológica da sua produção. 

Dessa forma, a produção moveleira indiana foi tradicionalmente direcionada para o mercado interno. Notando-se o prevalecimento do trabalho manual artesanal, realizado, majoritariamente, por micro e pequenos produtores. Característica que acaba por impor limitações em termos de competitividade comparando-se a produtos que envolvam maior tecnologia e industrialização em sua produção. 

Questão que pode ser especialmente benéfica para a indústria de outros países que queiram apostar em produtos com mais inovação, design e tecnologia na região, como as empresas brasileiras. O que se torna ainda mais interessante, inclusive, considerando o aumento no consumo de móveis na Índia durante os últimos anos.

Consumo de móveis na Índia

O consumo interno aparente de móveis na Índia em 2021 foi de aproximadamente US$ 18,4 bilhões. Repercutindo, assim, uma variação positiva de 13,3%, no período de 2017 a 2021. Já quando comparado com o ano imediatamente anterior, 2020, o crescimento registrado foi de 20,9%. 

Além disso, a participação das importações no consumo e a participação das exportações na produção, também registraram saltos de 2,7% e 8%, respectivamente, ambos no acumulado do ano passado frente a 2020. O que denota baixa abertura comercial, é verdade. Mas, ao mesmo tempo, demonstra potencial de expansão. 

Em 2021, as importações indianas de móveis e colchões totalizaram US$ 502,7 bilhões. Um aumento de 22,3% em relação a 2020. No tocante à participação por categoria, a maior fatia do total importado foi apresentada pelo grupo de móveis (+65,5%), seguido do grupo de assentos (+32,3%).

O preço médio das importações de móveis e colchões pelo mercado indiano durante o ano passado foi de US$ 3,20/kg.

Histórico das exportações brasileiras para a Índia 

Entre 2006 e 2021, o Brasil exportou cerca de US$ 6,8 milhões em móveis e colchões para a Índia, o que representou um aumento de 27,6%. Em 2021, contudo, houve queda significativa nas exportações brasileiras para o país. 

Como decorrência dos impactos das medidas restritivas na contenção da pandemia de Covid-19, entre outros fatores, o comércio entre os países ficou estagnado em relação a 2019 e muito abaixo do que foi realizado no ano de 2018. É interessante notar, porém, o desempenho expressivo observado nas exportações de móveis do Brasil para a Índia em 2017. Quando houve um avanço de 495% em relação ao ano anterior. 

Panorama que demonstra possibilidades de crescimento reais entre indústrias brasileiras e o mercado indiano. Ponderando, ainda, que os números de 2017 a 2019 foram fortemente influenciados por questões como o crescimento da renda per capita da população da Índia, bem como pela taxa contínua de urbanização do país. 

Dados e indicadores

As informações são do Estudo de Oportunidades para Empresas com Potencial e Exportadoras – Edição Índia”, desenvolvido pelo IEMI – Inteligência de Mercado com exclusividade para os associados do Projeto Brazilian Furniture

Parte de uma série de relatórios de inteligência comercial e competitiva organizadas pela ABIMÓVEL (Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário) e pela a ApexBrasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), o estudo tem por referência dados estatísticos atualizados e projetados a partir de consultas a uma extensa lista de fontes oficiais, nacionais e internacionais.

A versão completa do estudo, com análises e indicadores estratégicos, está disponível com exclusividade para associados do Brazilian Furniture na área restrita do site do projeto: brazilianfurniture.org.br/intranet/.

PROJETO SETORIAL BRAZILIAN FURNITURE

O Projeto Setorial Brazilian Furniture é uma iniciativa da ABIMÓVEL – Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário e da ApexBrasil – Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos, que tem por objetivo incrementar a participação da indústria brasileira no mercado internacional por meio de um conjunto de ações estratégicas tendo como base os pilares da sustentabilidade, competitividade e do design integrado à indústria, voltados para o mercado global. 

O projeto conta com a participação de mais de uma centena de empresas que possuem acesso a informações de Inteligência Comercial e Competitiva, Feiras e Missões Internacionais, Projetos Comprador e Vendedor, Projeto Imagem, Programa de Design Integrado à Indústria, entre outras inúmeras atividades no exterior.

– Promoção de Exportações e Investimentos

– Acesso exclusivo a informações e dados de Inteligência Comercial

– Agrega valor ao seu negócio

Saiba mais sobre o projeto e como fazer parte de nossas ações em brazilianfurniture.org.br.

MÓVEIS: O NOSSO NEGÓCIO!

Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário – ABIMÓVEL
Imprensa: press@abimovel.com

Compartilhe: